Buscar
  • BDB Cultural

Duo Flor de Cacau faz contação de histórias na BDB Cultural


+ Apresentação que mescla literatura, música e teatro será apresentada nas redes da BDB Cultural no dia 07 de março, domingo, às 17h


*Foto: Lucas Rezende/BDB Cultural


Cláudia Nascimento e Cláudio Lopes se conheceram na juventude, os dois tendo cacau como apelido. “A mãe dele é minha madrinha”, diz Cláudia, sempre entre risos. Se reencontraram em 2018, ambos professores, ela de língua portuguesa, ele de música, e os dois apaixonados por livros. As coincidências levaram a uma longa conversa e desse papo nasceu o Duo Flor de Cacau, uma parceria que trouxe uma nova proposta de contação de histórias e que será apresentada nas redes sociais da BDB Cultural no dia 07, domingo, às 17h.

Fazem parte da apresentação as roupas coloridas — sempre acompanhadas de flores em tons complementares —, músicas originais, brincadeiras de roda e, como protagonista deste pacote, uma história que encante o público infantil. Para a apresentação na BDB Cultural, a dupla faz uma versão musicada do livro “Fofoca reversa” (2019), de Nyedja Gennari, escritora e contadora de histórias que se apresentou na estreia da BDB Cultural.

Confira o vídeo no link: https://www.youtube.com/watch?v=ft_T8BI-HOk&t=426s&ab_channel=BDBCultural

“Não escolhemos as histórias, as histórias que nos convidam”, diz Cláudia. “Preferimos apresentar narrativas que contenham ensinamentos, mensagens. Não pensamos na contação de história para ficar famosos, mas porque amamos a literatura e queremos compartilhar esse amor”, completa Cláudio.

Para a curadora de artes cênicas da BDB Cultural, Alessandra Barros, a participação do Duo Flor de Cacau na programação exprime a intenção da iniciativa de colocar várias linguagens da arte em contato. “Eles fazem uma mistura de artes cênicas, música e literatura, o que mostra as possibilidades de diálogo que a arte possui, e por meio disso, pode alcançar diversos públicos, ainda mais quando é trabalhada em uma agenda transversal como a nossa”, afirma.


A emoção como motivador


Para a dupla de contadores é difícil elencar quais são os elementos que fazem uma boa contação de histórias. “Há gente que se apresenta neutro, de preto, com a história como único catalisador”, diz Cláudio. Não é assim, porém, que funciona para o Duo Flor de Cacau. O que não faltam são recursos para tornar a apresentação deles divertida para todos os públicos — inclusive para eles.

“A gente se emociona muito nas apresentações. Começamos fazendo as músicas para ambientar, a música quebra qualquer gelo, aproximamos o público de nós e no fim a gente se sente tão conectado, tão próximo... As cores, as brincadeiras, o que queremos é criar uma memória afetiva com a leitura. Minha mãe comprou muitos livros para mim quando eu era menina. Os que eu mais lembro são os que ela me contou. Eu espero que a troca que fazemos com o público, esse aprender e ensinar, também fique nas lembranças deles. Fica na nossa”, diz Cláudia.

Mesmo no momento da pandemia, que os obrigou a se afastarem do “brilho no olhar” do público, a empolgação da dupla seguiu a mesma. “A gente trabalhou demais no virtual, fomos convidados pela Secretaria de Educação para gravar vídeos, fizemos uma série de lives. A câmera, claro, não transmite o calor do público. A resposta da criança é muito imediata, mas aprendemos a lidar com isso e vimos aí uma oportunidade de chegar a ainda mais gente. Nas nossas apresentações digitais a gente vê os pais e avós se divertindo tanto como as crianças”, afirma Cláudio. O objetivo deles com a apresentação na BDB Cultural é justamente esse: encantar famílias.

A flor do cacaueiro, que inspira o grupo, conta Cláudio, é uma flor pequena, quase não se nota sua beleza em detalhes. É dessa flor, porém, que nascem os robustos frutos de cacau. Os frutos da iniciativa deles, de encantar com a literatura em diferentes formatos, mas sempre com diversão, esses eles esperam colher nas gerações futuras. E que sejam gigantes.


Sobre a BDB Cultural


A BDB Cultural é uma iniciativa do governo federal, por meio do Ministério do Turismo, em parceria com a Biblioteca Demonstrativa do Brasil Maria da Conceição Moreira Salles (BDB) e, por meio de um termo de colaboração, com a organização social Voar Arte para a Infância e Juventude. A agenda que o projeto executará na BDB segue até março de 2022.

“Com a BDB Cultural, vamos renovar a prática de ser uma referência a outras bibliotecas do país para que elas possam abrir suas asas para voos mais altos e dar vida aos seus espaços”, diz o coordenador-geral da BDB Cultural, Marcos Linhares.

Para saber mais sobre os próximos cursos e eventos oferecidos, acompanhe as novidades da BDB Cultural no Youtube (https://www.youtube.com/c/BDBCultural ), no Facebook (https://www.facebook.com/bdbcultural ) e no Instagram (https://www.instagram.com/bdbcultural/ ) da iniciativa.


Sobre o Duo Flor de Cacau


Parceria formada em 2018 pela contadora de histórias Cláudia Nascimento e pelo músico Cláudio Lopes, o Duo Flor de Cacau no ano passado se apresentou em eventos como a Feira do Livro Itinerante de Brasília e foi responsável por gravar vídeos de contação de histórias para os estudantes do DF durante o isolamento social de 2020. Em seu repertório, além de boas histórias, traz brinquedos cantados, rodas e cantigas que ajudam na preservação e divulgação das tradições culturais orais do Brasil.


Serviço:

BDB Cultural – Marçoo de 2021

Contação de histórias com o Duo Flor de Cacau.

07/03, domingo, 17h = Duo Flor de Cacau apresenta a história “Fofoca Reversa” além de músicas populares no Youtube e no Facebook da BDB Cultural.

Outras informações:

Facebook.com/bdbcultural

Instagram - @bdbcultural

16 visualizações0 comentário